João Dourado: Homem que agrediu gato em porta de bar poderá pegar de dois a cinco anos de reclusão

João Dourado: Homem que agrediu gato em porta de bar poderá pegar de dois a cinco anos de reclusão

O homem que chutou um gato violentamente na cidade de João Dourado, no último domingo (15), responderá pelo crime de maus-tratos (Artigo 32 da Lei nº 9.605), que prevê pena de dois a cinco anos de prisão. Um inquérito policial foi instaurado para apurar o caso e testemunhas serão intimadas a prestar depoimentos.

O crime, que aconteceu na porta de um bar, foi filmado e o vídeo amplamente divulgado nas redes sociais, ganhando repercussão estadual em diversos veículos de comunicação. A cena violenta deixou a população revoltada e houve um forte apelo por justiça.

Na ocorrência enviada à imprensa, a polícia diz que o autor da agressão foi devidamente identificado, mas não divulgou seu nome.

Apesar do susto e da agressão, o felino está bem de saúde e recebendo todos os cuidados necessários, segundo a tutora do animal.  

“Reiteramos que a Polícia Civil irá combater quaisquer tipo de maus-tratos a animais na região de Irecê e que autores desses delitos serão responsabilizados penalmente e civilmente, por esse crime tão grave e desumano”, finaliza a ocorrência policial sobre o caso.

Fonte: Irecê Repórter

 

Comentários

Os comentários são postados usando scripts e logins do FACEBOOK, não estão hospedados no Irecê Repórter, não refletem a opinião dos editores do site, não são previamente moderados, e são de autoria e responsabilidade dos usuários que os assinam. Caso considere justo que qualquer comentário seja apagado, entre em contato.